Transformando vidas das pessoas no Japão, Eligiane Fukuda mostra importância de olhar para o próximo

Nesta edição, é com carinho (e orgulho) contar um pouco da história surpreendente de Eligiane Fukuda, uma brasileira de 37 anos e exemplo de como a determinação e a vontade de superar desafios podem mover qualquer pessoa. 

Originária do Ceará, ela cresceu em São Paulo e começou sua carreira como vendedora de móveis de luxo. No entanto, sua vida tomou um rumo inesperado quando se casou e se mudou para o Japão em 2007, seguindo o caminho de muitos dekasseguis. Por lá, Eligiane trabalhou em uma fábrica enquanto estudava Administração de Empresas. Ao mesmo tempo, se envolveu com o desenvolvimento humano, uma paixão que a levou a criar o “Kira Kira” em 2018, um centro de apoio que oferece mentoria, cursos, consultorias e atendimentos terapêuticos. A empresa tem sua sede em Aichi-ken, Nishio-shi, no Japão.

A imersão no campo humano foi tamanha que ela continuou a se especializar. É Conselheira de Saúde Mental Licenciada (JADP); Terapeuta de Relaxamento Corporal (ITSA); e Terapeuta de Relaxamento Corporal (GBC). Em outra ponta, ela também se formou no Brasil, obtendo um Bacharelado em Administração pela UCB de Brasília e uma Licenciatura em Pedagogia pela FAEP, em São Paulo, além de uma especialização em Inteligência Emocional com a FEBRACIS, entre outras formações.

Com tamanho currículo e conhecimento, Eligiane é especializada em ajudar as pessoas a superar desafios e se reconectar com sua essência, aplicando técnicas terapêuticas e assistência psicológica. Ela é conhecida por suas palestras e pelo projeto “Diálogos de Consciência e Cura”, que visa compartilhar conhecimento e conscientização, não apenas no Japão, mas em todo o mundo.

Sua paixão por ajudar os outros a superar desafios a inspirou a escrever o livro “A Última Maria: Uma Jornada de Superação Dentro de uma Família Desordenada”. Inspirado em sua própria experiência, o livro oferece uma narrativa leve e esperançosa, incentivando os leitores a enfrentarem suas próprias dificuldades e buscar ajuda quando necessário. 

A super profissional não apenas encontrou um lar no Japão, mas também uma maneira significativa de contribuir para a comunidade brasileira no país. Seu propósito de vida é evoluir como ser humano e compartilhar seu conhecimento para ajudar mais pessoas em sua jornada de crescimento e busca por uma vida mais plena e abundante. 

Uma história e propósitos que, convenhamos, nos fazem refletir que, independentemente dos desafios que enfrentamos, podemos transformar nossa vida e inspirar outros a fazer o mesmo.