Presidente do Brinco da Marquesa destaca parceria com a Ala Nikkei

Presidente do Brinco da Marquesa, Aurélio e foliões nikkeis – Divulgação

A Ala Nikkei do Grêmio Recreativo Cultural Beneficente Escola de Samba Brinco da Marquesa, escola de samba da Vila Brasilina (zona Sul de São Paulo) campeã do Grupo Especial de Bairros da União das Escolas de Samba Paulistanas (UESP) deste ano, participou de um encontro no último dia 17, na Associação Mie Kenjin do Brasil, na Vila Mariana, para comemorar o título. A conquista assegura à escola o direito de desfilar no Anhembi pelo Grupo de Acesso 2 da Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo no Carnaval de 2025.

Presenças do presidente do Brinco da Marquesa, Adriano Bejar Rodrigues, do Benemérito da escola, vereador Aurélio Nomura, e do presidente do Mie Kenjinkai, Tetsuhiro Hirose, além da diretora da escola, Katia Guimarães, e do diretor de Harmonia, Rogério da Silva. 

Adriano Bejar lembrou que a parceria com a Ala Nikkei surgiu “há seis ou sete carnavais”. Ele explicou que o Brinco da Marquesa “realiza um intercâmbio cultural, um intercâmbio social, enfim, trocas de experiências”. “E a Ala Nikkei trouxe, para nós, outras questões relacionadas à cultura, que somadas à cultura da escola de samba, a gente conseguiu fazer uma grande união, e hoje estamos aí, feliz mais uma vez, com o Brinco da Marquesa campeã do Carnaval 2024”, disse Adriano Bejar.

Segundo ele, a Ala Nikkei, “contribuiu com a sua cultura, com a sua experiência, com a sua organização e, principalmente, com a amizade e o amor que nós sentimos na ala”. “A gente agradece, e essa é a grande valorização, o grande abraço do nosso Brinco para a Ala Nikkei, destacou o presidente da escola, que este ano apresentou o enredo “Entre sonhos e pesadelos, a Marquesa viaja pelo Reino de Morfeu”.

Para o vereador Aurélio Nomura, Benemérito da escola, a próxima etapa será tentar reaver a quadra da escola. “Nós deveremos acionar novamente a assessoria jurídica para que reveja o caso”, disse o parlamentar.

Durante o encontro, foi prestada uma homenagem ao componente da Ala Nikkei, Shozo Matsuzake (vice-presidente da Associação Okayama Kenjinka, que faleceu no final do ano passado) à sua esposa Marta, que muito contribuiu para a Escola de Samba Brinco da Marquesa.

(Aldo Shiguti)

spot_img

Relacionados

Destaques da Redação

spot_img