Nishimori preside sessão solene em homenagem aos 115 Anos da Imigração

Sessão Solene presidida pelo deputado Luiz Nishimori contou com a presença de autoridades – cláudio araújo-psd câmara

Neste ano, comemoram-se os 115 Anos da Imigração Japonesa no Brasil e, mais uma vez, o Grupo Parlamentar Brasil-Japão da Câmara dos Deputados realizou, nesta terça-feira (13), por requerimento do deputado federal Luiz Nishimori (PSD-PR), uma sessão solene para homenagear todos os pioneiros e descendentes da comunidade japonesa no Brasil. Realizada no Plenário da Câmara dos Deputados, a solenidade contou com a participação do embaixador do Japão no Brasil, Teiji Hayashi; do presidente do Bunkyo – Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social – Renato Ishikawa; do presidente da Aliança Cultural Brasil-Japão do Paraná, Eduardo Suzuki; do presidente da Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Brasil (SP), Yuki Kodera; e do presidente mundial da Jica (Japan Interntational Agency Cooperation), Akihiko Tanaka; além de membros do GPBJ, como o deputado Kim Katagruiri, empresários, lideranças nikkeis e representantes de associações nipo-brasileiras.

Bela história – Presidente do Grupo Parlamentar, Luiz Nishimori destacou a importância da celebração. “Trata-se de um momento para relembrar toda a trajetória dos nossos primeiros imigrantes, que, com muito empenho e dedicação, construíram uma bela história de superação, realização e integração junto a sociedade brasileira”, comentou o parlamentar.

Em discurso aos presentes, o embaixador Teiji Hayashi ressaltou a importância da dedicação histórica dos imigrantes japoneses para o desenvolvimento do Brasil e apontou que as relações entre os dois países continuam a ganhar força, com especial potencial de crescimento para o intercâmbio entre Brasil e Japão em áreas como economia e turismo.

Superação – O marco de início da Imigração Japonesa no Brasil foi a chegada do Navio Kasato Maru, no porto de Santos, em 18 de junho de 1908, quando 165 famílias japonesas (781 pioneiros), desembarcaram em busca de uma nova vida e construção de um futuro promissor.

A nova vida em um outro país, com costumes e tradições diferentes foi extremamente desafiadora, tiveram dificuldade de adaptação com o clima, com o novo modelo de alimentação, dificuldade na comunicação, por ter que se adaptar a uma língua estrangeira e tão diferente da sua de origem.

No entanto, todos os desafios foram superados e hoje o Brasil é a casa de mais de 2 milhões de descendentes japoneses, um número bem expressivo colocando o Brasil em primeiro lugar como o país com a maior comunidade nikkei fora do Japão.

Esta relação de amizade e diplomacia gerou inúmeros projetos e parcerias que promovem educação, a difusão de esportes e cultura, projetos de cunho ambiental, tecnológico, na área da saúde e tantas outras parcerias econômicas, que geram emprego e renda para a população.

Transmitida pela TV Câmara, a celebração também contou com a apresentação do grupo de taiko de Brasília, Reiwa Daiko.

Na oportunidade, o presidente mundial da Jica, Akihiko Tanaka, recebeu uma menção honrosa da Câmara dos Deputados em reconhecimento pelo trabalho prestado em prol do fortalecimento da relação bilateral entre o Brasil e o Japão.

Para assistir a sessão solene basta acessar o canal do YouTube da Câmara dos Deputados.

(Aldo Shiguti)

spot_img

Relacionados

Destaques da Redação

spot_img