Em sua 4ª edição, Festival Tohoku Hokkaido se consolida como evento gastronômico e cultural

Grupo de taiko Ikkon Wadaiko e uma das atracoes artistticas – Facebook

Depois do sucesso de 2022, passado, quando a terceira edição recebeu cerca de 700 pessoas, o Festival Tohoku Hokkaido retorna este ano para se consolidar definitivamente como um dos grandes eventos da comunidade nikkei. A quarta edição acontece no dia 5 de novembro, das 11 às 15h30, prometendo uma verdadeira imersão na cultura e gastronomia das províncias que compõem a região de Tohoku (nordeste) do Japão: Yamagata, Miyagui, Iwate, Akita, Aomori e Fukushima, além de Hokkaido.

Como explicam Alfredo Makoto Ohmachi e Mauro Takanori Tada, presidentes, respectivamente, da Associação Cultural e Recreativa Akita Kenjin do Brasil e dada Associação Cultural e Assistencial Iwate Kenjinkai do Brasil. “Trata-se de uma oportunidade de conhecer a gastronomia típica dessas províncias, com alguns pratos inéditos, que não são vendidos nem mesmo no Festival do Japão, como é o caso do Aizu’s Sauce Katsudon, da província de Fukushima”, contam.

Mauro Takanori Tada, presidente do Iwate, e Alfredo Ohmachi, presidente do Akita

“Na verdade, o Festival Tohoku Hokkaido acaba servindo de vitrine para o próprio Festival do Japão”, completa Alfredo Ohmachi, lembrando que o Festival surgiu para revezar com o Undokai (Gincana Poliesoirtiva) – que deu origem ao Bloco Tohoku Hokkaido. A primeira edição foi realizada em 2009 e a segunda no ano seguinte.

Já o Undokai teve sua última edição em 2019, no tradicional Colégio Arquidiocesano, na zona Sul de São Paulo. “Foi um dos primeiros Undokais indoors”, lembra Ohmachi, explicando que a gincana parou por conta da pandemia e “pode ser que seja retomada”.

Além do Aizu’s Sauce Katsudon, os visitantes poderão fazer uma viagem gastronômica pelas oito províncias participantes e saborear pratos como yaki ika (lula na brasa), de Hokkaido; imoni (cozido inhame), da província de Yamagata; o damakko nabe, de Akita e o gyutan (língua de boi grelhada), de Miyagui, além do cupcake de maçã, de Aomori, e o kakigori (a famosa raspadinha).

Desafio – Destaque para a competição gastronômica, uma deliciosa prova para ver quem come mais wanko soba (macarrão de trigo sarraceno), de Iwate, em apenas três minutos. No ano passado, o vencedor devorou 65 chawans. Para participar, basta se inscrever na hora. E bom apetite.

Além da gastronomia, outro destaque do Festival Tohoku Hokkaido são as atrações artísticas. Se revezarão no palco do Hokkaido o grupo de taiko Ikkon Wadaiko, o grupo de Yosakoi de Hokkaido, o Grupo Min e o The Oriental Magic Show (com Ossamá Sato e Fujikan), além de apresentações de bom odori e shamisen. Quem também estará presente é o Ultraman, cujo criador do personagem, Eiji Tsuburaya, nasceu em Fukushima.

Mas o que promete chamar a atenção este ano é o Akita Kanto Matsuri, um dos três principais eventos realizados anualmente na cidade de Akita onde os participantes equilibram lanternas de bambus. De acordo com Alfredo Ohmachi, no Japão a apresentação acontece como se fosse um carnaval, com o desfile de blocos e direito à comissão julgadora para avaliar a melhor performance.

No Festival Tohoku Hokkaido, haverá uma pequena demonstração a cargo de dois instrutores japoneses que estão vindo ao Brasil justamente para ensinar e divulgar essa tradição. Eles farão um workshop na semana seguinte para os associados de Akita. A ideia, conta Alfredo Ohmachi, é impulsionar a realização do Kanto Matsuri no país, um festival que engloba música e fabricação de lanterna, e, futuramente, que, sabe, realizar o festival também por aqui.

Durante o Festival Tohoku Hokkaido, os visitantes também poderão conferir uma mostra cultural com exposição de peças e objetos das províncias participantes.

A expectativa dos organizadores é receber um público estimado em mil pessoas.

Akita Kanto Matsuri sera apresentado-pela primeira vez no Brasil -Wikipedia

(Aldo Shiguti)

SERVIÇO

4º Festival Tohoku Hokkaido Matsuri

Quando: Dia 05/11 (Domingo), das 11 às 15h30

Onde; Associação Hokkaido (Rua Joaquim Távora, 605 – Vila Mariana)

Entrada franca

spot_img

Relacionados

Destaques da Redação

spot_img