Centro Cultural Palácio da Justiça recebe exposição ‘Ambientes Construídos’

Com foco na arquitetura, construção civil e engenharia embiental, mostra tem o intuito de promover o intercâmbio cultural – DIVULGAÇÃO

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, traz para o Centro Cultural Palácio da Justiça a exposição “Ambientes Construídos: um guia alternativo do Japão”. Inaugurada nesta terça-feira (9), somente para convidados, a mostra fica aberta ao público até 3 de fevereiro.

A exposição, realizada pelo Consulado-Geral do Japão em Manaus e pela Fundação Japão, tem como foco arquitetura, construção civil e engenharia ambiental, com finalidade de promover o intercâmbio cultural e artístico entre o Japão e o Brasil.

Patrimônio – A mostra reúne vários painéis de obras relacionados a paisagens e construções japonesas consideradas como Patrimônio Histórico da Humanidade pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), que são apresentados em fotografias, textos e vídeos. 

Os elementos são montados de forma que os visitantes possam visualizar tridimensionalmente os arquipélagos que formam o Japão.

De acordo com o setor de Relações Públicas e Cultura do consulado-geral do Japão em Manaus, a exposição é um convite para que os manauaras possam visualizar o Japão por um ponto de vista que foge dos clássicos guias turísticos. 

“Apreciando essas obras, o público pode conferir os ambientes que surgiram com a modernização e pelo reflexo do rápido crescimento econômico do país de acordo com suas respectivas épocas”, afirmou a representante do setor, Erika Hirae.

Elementos são montados com o objetivo de proporcionar uma visão tridimensional

Abertura – Realizada no Hall do Centro Cultural Palácio da Justiça, a cerimônia de abertura da exposição contou a presença do cônsul-geral do Japão em Manaus, Masahiro Ogino, e do secretário executivo Luiz Carlos Bonates, representando o secretário de Cultura e Economia Criativa do estado, Marcos Apolo Muniz.

Serviço – A exposição pode ser visitada gratuitamente até 3 de fevereiro, de 9h às 15h, exceto às terças-feiras e domingos. Para mais informações sobre esta e outras exposições nos espaços culturais do Amazonas, o público pode acessar o site ou as redes sociais da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (cultura.am.gov.br e @culturadoam).

spot_img

Relacionados

Destaques da Redação

spot_img