Associação realiza festival e celebra 18 anos de fundação

Convidados participam de uma aula com instrutoras da Associação Kenko Taisso do Brasil – Aldo Shiguti

Atividade que melhora a saúde física dos praticantes; ativa sentimentos de bem-estar por utilizar melodias conhecidas, tornando a ginástica divertida e que proporciona ganho muscular, fortalecimento nas articulações, maior agilidade, maior equilíbrio, ganho de memória, além de melhorar o convívio social, a ginástica rítmica “Kenko Taisso” celebrou seu 18º aniversário de existência no país em evento realizado no último dia 9, no salão social do Nippon Country Club, em Arujá (SP).

O evento, que contou também com um Festival, reuniu cerca de 800 participantes de 55 grupos, conforme explicou o presidente da sucursal da Zen Ken On, Hiroshi Kawazoe.

A cerimônia comemorativa contou com a presença do presidente do Nippon, Rubens Kamoi e do diretor social do clube, Edson Ikuno; do vereador George Hato – autor da Lei que institui o Dia do Kenko Taisso no Município de São Paulo (a ser comemorado todo dia 15 de maio); do presidente da Kodomo-no-Sono, Sergio Oda; do presidente do Ikoi-no-Sono, Izumu Honda; do representante da Enkyo, Edson Tamada, e do assessor parlamentar do vereador Aurélio Nomura, Olavo Mitsuo Kimura; entre outros.

Agradecimentos – Na ocasião a presidente da Associação, Toshie Kawazoe, entregou donativos para a Kodomo-no-Sono, Ikoi-no-Sono e Enkyo, além de uma contribuição ao NCC pela cessão do espaço.

Ela destacou, em seu discurso, a importância de realizar novamente o festival em formato presencial após três anos de interrupção por conta da pandemia. Toshie Kawazoe agradeceu ao Nippon pela cessão do espaço e ao vereador George Hato, por incluir a ginástica no calendário oficial de eventos do município de São Paulo. Segundo Kawazoe, graças aos esforços dos instrutores, hoje cerca de 1200 pessoas praticam o kenko taisso em 75 associações espalhadas pelo país.

Ela lembrou ainda que, este ano, um grupo da associação estará representando o Brasil no Festival Internacional que acontece na Zen Nippon Ongaku Kenkyu Kai – Zen Ken On, a matriz que fica na cidade de Hamamatsu, na província de Shizuoka, no Japão.

George Hato destacou os benefícios da ginástica e explicou que, como médico, sua missão é melhorar a saúde da população. “E nada melhor que praticar esportes”, explicou o vereador.

Solidariedade – Representando as entidades assistenciais beneficiadas pela associação, Izumu Honda disse que a essência do Kenko Taisso é a vitalidade e que, além de trazer benefícios para a saúde – tratando do corpo, da alma e da mente – acrescentaria mais uma qualidade: a solidariedade. E citou a participação – voluntária – dos membros da Associação Kenko Taisso do Brasil nas atividades e eventos das associações, muitas vezes, arcando com as despesas com transporte e alimentação do próprio bolso. “É algo fantástico”, resumiu Izumu Honda, afirmando que a melhor forma de retribuir a ajuda da associação “é cuidar cada vez melhor dos nossos idosos”.

Mariko – Para Edson Ikuno, do Nippon, quando o clube idealizou o Departamento da Terceira Idade, não imaginava que o tempo passasse tão rápido. “Mas o amanhã chegou. E rápido”, disse Ikuno.

Durante o evento, também foi apresentada uma mensagem gravada pela cantora Mariko Nakahira, grande parceira da associação.

Em seguida, foram homenageadas cerca de 40 pessoas que completaram 88 anos. No encerramento da cerimônia comemorativa, os convidados participaram de uma aula de ginástica com instrutores ao som da música “Furusato”.

Evento contou com a presença de cerca de 800 praticantes

(Aldo Shiguti)

spot_img

Relacionados

Destaques da Redação

spot_img