26º Sakura Matsuri terá apoio da Secretaria Estadual de Agricultura

Pela primeira em sua história, o Festival das Cerejeiras Bunkyos – Sakura Matsuri, evento realizado anualmente pelo Bunkyo – Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social – no Parque Bunkyo Kokushikan, em São Roque (SP), com apoio de entidades da região, contará com apoio institucional da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

Uma primeira conversa nesse sentido aconteceu nesta segunda-feira (20), quando o titular da pasta, Antonio Junqueira, recebeu, em seu Gabinete, uma comitiva formada por Carlos Kendi Fukuhara (presidente da Comissão Organizadora do 26º Festival das Cerejeiras Bunkyos); Nelson Hitoshi Kamitsuji (presidente da Comissão Bunkyo Rural Kiyoshi Yamamoto); Tomio Katsuragawa (vice-presidente da Comissão Bunkyo Rural  Kiyoshi Yamamoto); Maximiliano Miura (membro da Comissão Bunkyo Rural Kiyoshi Yamamoto) e Celso Norimitsu Mizumoto (presidente da Comissão Administradora do Parque Bunkyo Kokushikan).

Antonio Junqueira colocou a pasta à disposição para uma parceria “produtiva e longínqua”. Os detalhes devem ser acertados nas próximas reuniões entre os organizadores da festa e o diretor do Departamento de Sustentabilidade e Agroambiente, Luiz Gustavo de Souza Ferreira.

Ao jornal Nippon Já, o secretário disse que trata-se de um primeiro passo para uma parceria entre a Secretaria e a comunidade japonesa, que em 2023 comemora 115 anos de imigração. “Vamos ter oportunidade de ir lá e mostrar o que a Secretaria faz. Toda a comunidade será muito bem acolhida aqui dentro com todos os programas que nós temos”, disse Junqueira, destacando que “acredito que será uma parceria de muito sucesso”.

Segundo conversas preliminares, a ideia é oferecer palestras e apresentar programas e projetos que possam interessar aos pequenos agricultores, como linhas de crédito e cursos

Exposição – Carlos Fukuhara explica que, em 2023, quando a comunidade japonesa comemora 115 anos da imigração – o Festival das Cerejeiras Bunkyo – que chega a sua 26ª edição em dois finais de semana de julho (1,2, 8 e 9) – preparou uma programação especial integrada ao evento para homenagear os imigrantes japoneses que vieram para trabalhar nas lavouras das terras brasileiras e realizará, pela primeira vez, a Expo BunkyoAgro, uma exposição de equipamentos agrícolas de pequeno e médio porte e produtos utilizados na agricultura. 

Segundo ele, a ideia de criar um evento nos moldes das grandes feiras agrícolas como a Agrishow, em Ribeirão Preto (SP), passa também pelo aproveitamento do espaço do Kokushikan, que conta com uma área de 60 hectares.

Atrações – Realizado desde 1997 – – ano em que a propriedade foi doada ao Bunkyo pela Fundação Escolar Kokushikan (filial brasileira da Universidade Kokushikan do Japão) – o Festival das Cerejeiras Bunkyos celebra o florescimento dos mais de 400 pés de cerejeiras cultivadas no local (atualmente, o Kokushikan possui mil pés de cerejeiras plantados).

Com o passar dos anos, o Festival foi se ampliando: além de oferecer uma série de atrações relacionadas à cultura japonesa, montou também uma infraestrutura para atender às necessidades dos visitantes (em 2022, a 25ª edição, em dois finais de semana reuniu cerca de 30 mil visitantes).

Um dos locais concorridos no Festival é a Praça da Alimentação, que oferece pratos típicos preparados pelos voluntários das associações nipo-brasileiras da região. Outras atrações são os shows de música e danças tradicionais, espaço para exposição e workshops de várias técnicas culturais, exposição de empresas, passeios de trenzinhos pelas alamedas de cerejeiras floridas, Praça dos Bazaristas, vendas de flores e verduras, entre outras.

(Aldo Shiguti)

spot_img

Relacionados

Destaques da Redação

spot_img